Você entendeu todas as mudanças no Evernote 8 para iOS?

Mês passado saiu a versão 8 do Evernote para iOS e até já falei um pouco sobre o assunto no vídeo sobre o futuro da empresa. Mas eu tenho algumas perguntas para te fazer: você já identificou todas as mudanças? Já descobriu como capturar conteúdo de forma mais rápida? Entendeu o novo filtro de Etiquetas e Lembretes?

Bom, se você quiser descobrir como ser mais eficiente no Evernote 8 para iOS, esse episódio é pra você.

Pra começar te convido a lembrar de como era o Evernote para iOS. Havia uma tela inicial com uma série de funções. Ou seja, para criar uma simples Nota era preciso encontrar o botão no meio de todas aquelas informações.

Usuários antigos provavelmente nunca tiveram muitos problemas com isso porque acompanharam a evolução do aplicativo, mas tenho que imaginar que novos usuários sofriam um pouco com tanta informação na tela.

É quais são mesmo os objetivos de ter o aplicativo Evernote no seu telefone? Conseguir capturar conteúdo com agilidade e encontrar o que precisamos, quando precisamos, certo? Ele tem que ser a versão portátil do nosso segundo cérebro, não é mesmo?

A versão 8 para iOS tentou trazer de volta essas características tão importantes do aplicativo e em minha opinião, atingiu o objetivo.

Grande parte dos controles que tínhamos em uma tela inicial da antiga versão agora estão disponíveis logo que abrimos o App e tudo isso junto das nossas Notas.

Bem no meio da base da tela há um sinal de adição que é bem familiar para os usuários Android. Aliás, em minha opinião, essa é uma das funções mais legais do aplicativo no Android. Pressione o sinal e você criará uma nova Nota instantaneamente. Ou mantenha o dedo pressionado sobre o sinal de mais e você será apresentado a três formas de entrada de dados: áudios; fotos e lembretes.

O acesso ao conteúdo também está muito mais fácil. Além da sua lista de Notas, que já aparece ocupando quase a tela toda, você pode escolher e mudar de Cadernos a partir de uma lista que aparece no topo da tela. E uma vez dentro do Caderno, você poderá filtrar o conteúdo de forma muito mais eficiente. 

Clicando no ícone das Etiquetas, você verá todas as Etiquetas que existem naquele Caderno e poderá escolher uma para filtrar o conteúdo. A mesma lógica vale para os Lembretes.

Pode ser que você tenha gostado, pode ser que não, mas o detalhe sutil dessa mudança é o pensamento voltado para gestão de tarefas usando o Evernote. O CEO Chris O'Neill, já tinha dito na apresentação que fez em São Paulo que muita gente usa o Evernote para gerenciar tarefas. Colocar os dois recursos que as pessoas mais usam para gerenciar tarefas bem ali no topo me pareceu muito mais que acaso.

Voltando a base da tela temos como navegar entre os outros recursos. Notas, Busca, Atalhos e informações da conta. O segundo recurso que mais gostei nessa barra foi a estrela que dá acesso rápido aos Atalhos. Isso já foi assim no passado, mas infelizmente desapareceu na versão 5.

+ Tudo sobre Atalhos do Evernote

Falo muito sobre os Atalhos nos workshops e já gravei vários episódios a respeito. Colocar o conteúdo mais adequado para sua realidade lá e ter acesso rápido é fundamental para aumentar a produtividade. Se você não usa, ouça os episódios a respeito desse tema e experimente. Vai facilitar muito diversos dos seus processos.

O que não gostei

Em primeiro lugar, o Atlas desapareceu. Eles já haviam ensaiado remover o recurso na versão anterior. Muita gente reclamou e o Atlas voltou. Dessa vez me parece um caminho sem volta. Ele já foi removido da versão Windows, não existe no Android há algum tempo e agora saiu do iOS. Acho que a próxima baixa será o Mac. Uma pena porque gosto muito do recurso.

+ Descubra como incluir localização em Notas do Evernote

Outra mudança que não gostei foi terem escondido o Work Chat. Na mesma visita a São Paulo, o Chris, também falou muitas vezes a respeito do Slack e, se não me engano, nem mencionou o Work Chat. Será um sinal?

+ Work Chat na prática
+ O que é e como funciona o Slack

 

Algumas pessoas também notaram que o Modo de Apresentação desapareceu. Eu nem tinha notado porque pouco uso o recurso no telefone. É um recurso que nunca chegou ao Android e realmente acho que faz mais sentido usar algo assim no computador.

+ Melhore a apresentação no Modo de Apresentação

Android vai mudar também?

Acredito que não será nada radical. Mesmo com essas mudanças no iOS, ainda vejo a versão Android como mais avançada. Por exemplo, o sinal de adição abre muito mais funções; é possível selecionar múltiplas Notas como no Mac e Windows; e o menu lateral que da acesso a várias funções é muito eficiente e bem comum nos aplicativos para Android.
 

Evernote ou Google Trips para planejar sua próxima viagem?

Comecei a usar o Evernote em 2008 justamente para organizar e planejar minhas viagens e, desde então, já produzi muito conteúdo a esse respeito.

Mas na minha última viagem usei em paralelo o Google Trips do primeiro ao último dia. Quer saber minha opinião? Assista o vídeo abaixo até o final para descobrir vantagens e desvantagens de cada um.

O Google Trips é bem simples, mas muito poderoso. O primeiro passo é se cadastrar com uma conta do Google e deixar ele trabalhar se conectando ao seu Gmail. O App vai buscar tudo relacionado a viagens e construir automaticamente alguns roteiros.

Mas nos meus testes, o Trips nunca conseguiu pegar todas as informações de reservas. Várias coisas podem acontecer e dificultar essa automação do Google.

Por exemplo, às vezes eu reservo o Airbnb e a minha esposa compra a passagem aérea. Nesse caso, cada um recebe um e-mail e mesmo que ela me encaminhe a confirmação da passarem, por algum motivo o Trips não captura essa informação automaticamente.

Portanto, o melhor nesses casos é continuar usando o Web Clipper do Evernote para capturar todo conteúdo pré-viagem e guardar em um Caderno como já sugeri em diversas ocasiões.

Enfim, estamos vivendo uma mudança de paradigmas e no vídeo “Entenda como será o Evernote e como ele te ajudará ainda mais no futuro” falei bastante sobre o assunto. Também comento o tema inteligência artificial no artigo "Não é uma competição por esse ou aquele espaço, é tudo em função da inteligência artificial”.

Conteúdo Complementar

232 - Entenda como será o Evernote e como ele te ajudará ainda mais no futuro

Todo trabalho que o novo CEO, Chris O’Neill, realizou até o momento na Evernote, pouco apareceu para os usuários. Apesar de ter nos assustado logo nas primeiras semanas com a eliminação de alguns produtos, a importantíssima reformulação da empresa e de todo sistema de sincronismo de notas passou quase despercebido. Acompanhei com atenção e falei bastante sobre o assunto —vide links abaixo—, mas agora chegou finalmente o momento de vermos alguns dos resultados.

Recentemente saiu a versão 8 do aplicativo para o sistema iOS e algumas mudanças estão muito claras. O foco, como vinha dizendo Chris O’Neill, são nossas anotações e elas aparecem logo que entremos no novo aplicativo para iPhone e iPad. Outra mudança sutil mas muito importante foi o botão de adição, claramente copiado da versão Android, que agora nos permite incluir conteúdo com muito mais agilidade. 

E logo depois do update do Evernote para iOS (versão 8), o site Wired publicou um artigo bastante interessante que fala sobre o futuro da empresa. Nesse episódio comento os principais pontos do texto da Wired e te convido a refletir sobre sua forma de pensar a respeito do aplicativo e de organização de um modo geral