Equilíbrio entre a vida pessoal e a profissional. (opinião) | 230

Será que faz sentido separar a vida pessoal da profissional? Há muitos anos, quando comecei a buscar formas de me organizar, essa era uma dica frequente. Havia inclusive a metáfora do chapéu. Ou seja, trocando o chapéu, estou trocando de uma realidade para a outra.

Mas desde minha época de estágio na faculdade, eu misturava tudo. O que aprendia de planilhas em casa resolvia as coisas do meu curso de economia e trazia soluções para o departamento de custos na empresa na qual eu trabalhava. Sempre aprendi testando e levando ideias e necessidades de uma realidade para outra.

Mais tarde, quando aprendi HTML para montar um site pessoal, comecei a usar isso também para criar um mini-catálogo no meu Palm, que era usado na empresa em que eu trabalhava naquela época.

Comigo sempre aconteceu essa fertilização cruzada. Algo na vida pessoal servia para resolver coisa do trabalho e vice-versa. O próprio Evernote, quando entrou na minha vida, foi imediatamente usado nos dois mundos e eu frequentemente testava soluções do trabalho para assuntos pessoais e vice-versa.

O fato é que toda vez que eu separava o que era pessoal do profissional, como sugerem alguns aplicativos e gurus, eu sentia falta da conexão entre os dois mundos. Parecia que algo não estava encaixando bem e que eu acabaria por perder uma oportunidade ou deixar de ter um momento de eureka.

Hoje em dia, mais do que nunca, não existe a barreira do espaço, do local. É possível trabalhar em qualquer lugar e, de certa forma, o mesmo vale para a diversão.

Enfim, meu pensamento é muito em linha com o que faço no Evernote para decidir se devo usar etiquetas ou cadernos. Existem inúmeros vídeos no canal a este respeito, mas de forma super resumida, penso da seguinte forma: se preciso acessar aquela informação de forma rápida e/ou frequente, uso cadernos porque chego mais rápido ao ponto. Não há necessidade de filtrar nada. Vou direto. Para o restante, utilizo etiquetas.

Um exemplo prático são meus emails, que não são filtrados entre pessoais e profissionais. Separo pela ações que tenho que tomar, conforme já expliquei outras vezes no canal.

Porém, recentemente tenho sentido a necessidade de ter um local específico para lidar com meus clientes. Quero abrir aquele compartimento e lidar apenas com este tipo de mensagem porque faço isso repetidas vezes por dia e os passos de filtro e localização da informação estão me fazendo perder tempo. Já, o restante das informações profissionais, permanecerá no antigo sistema de email.

Além dessa fertilização cruzada, alguns estudos que tenho lido falam sobre o problema da competição entre pessoal e profissional. E isso, em minha opinião é o pior. 

É aquela sensação de que é preciso aproveitar cada minuto do final de semana ou das férias porque depois temos que nos dedicar ao trabalho. E o mesmo acontece no trabalho. Algumas pessoas ignoram que têm família ou ficam cegas mesmo. Certa vez uma amiga passou por isso. O pneu do carro furou num lugar escuro e remoto e o marido pensou: depois eu ligo.

Ela raramente ligava para ele no horário de trabalho porque também trabalhava. Se estava ligando era importante, mas ele depois disse simplesmente que pensou em ligar depois porque estava trabalhando. Sou amigo do casal e, conversando com os dois, a sensação que tenho é a de que ele criou dois mundos completamente separados na cabeça dele e acabou não atendendo porque estava no trabalho.

Este é um caso extremo, mas a pergunta é: será que o segredo é realmente separar? Será que o mais sensato não seria buscar algo que traga prazer tanto na vida pessoal, quanto na profissional. Dessa forma, uma realidade não será inimiga do outra. Sei que é complicado, mas queria deixar você com essa reflexão.

Se gostou do vídeo, por favor, compartilhe com um amigo. E gostaria muito de ouvir a sua opinião. Para sua vida, faz sentido separar completamente o que é pessoal do que é profissional?

 

Material de referência em índice dinâmico do Evernote | Tutorial Evernote.

Existem várias formas de organizar o conteúdo que está no seu Evernote e estou constantemente compartilhando dicas a este respeito aqui no site e no meu Canal no YouTube. Algo que uso muito é um recurso chamado Índice de Notas que permite criar um índice dinâmico com conteúdo que temos armazenado no aplicativo.

Na prática, ao clicar no título que aparece no índice, você é remetido para a nota em questão. Costumo organizar meu conteúdo de referência desta forma e foi algo muito útil, por exemplo, durante o processo de criação das pautas do meu curso "Workflow C - Organização Inteligente & Trabalho eficiente". Criei um índice que me ajudou muito.

A criação do Índice de Notas é muito simples, basta selecionar as notas desejadas e clicar na opção "Criar Índice de Notas". E o interessante é que você pode selecionar as notas desejadas na sequência ou escolher notas avulsas armazenadas em diversos cadernos do seu Evernote.  No vídeo (abaixo) demonstro detalhadamente o processo e compartilho outras dicas relacionadas a este recurso.

Gostou da dica? Por favor, compartilhe com os amigos.

É muito importante ter o histórico da sua saúde | Evernote para guardar organizar exames.

No Brasil não temos um histórico de saúde centralizado, ou seja, se no futuro você precisar de alguma informação de algum exame ou tratamento antigo, pode ser bem complicado encontrar a papelada guardada em pastas e armários na sua casa.

Manter um histórico é muito importante para quem está realizando um tratamento, mas esta não é única razão. 

A cada hemograma, a cada exame, as coisas mudam. Afinal, estamos envelhecendo. E no futuro, pode ser muito importante ter informações do seu passado para que profissionais de saúde tenham como base números reais seus e não uma média da população. Entra em cena o Evernote.

➤ Não basta guardar os documentos no Evernote, é preciso ser eficiente
➤ Otimizando suas Notas no Evernote
Manual completo do Web Clipper
Escâner de bolso (Android e iOS)

Mantenho tudo dentro do Caderno Saúde no qual vou incluindo informações a medida que elas vão surgindo. Cada novo exame, cada nova receita, pagamentos, enfim, tudo relacionado a saúde vai para este caderno.

As informações estão divididas em grandes grupos que são importantes para mim. Por exemplo, uso óculos então tenho uma etiqueta chamada “oftalmologia”. Tudo relacionado aos meus olhos vai para o Cadernos saúde e ganha a etiqueta “oftalmologia”. 

Costumo também fazer exames de sangue anualmente e acho que você já adivinhou. Os PDFs que baixo dos laboratórios vão para o Caderno saúde usando o Web Clipper. Não sabe como fazer isso? Assisa a aula.

E como mantenho as notas do meu Evernote ordenadas por data de criação, tudo que é mais recente estará sempre no topo. E quando preciso filtrar informações específicas, posso usar a busca ou as etiquetas.

E você, já tinha pensado nisso? Faz algo diferente? Deixe um comentário para ajudar outras pessoas. E caso seja seu primeiro vídeo no canal, clique em assinar para acompanhar minhas publicações semanais e descobrir como o Evernote e outras tecnologias podem transformar sua vida para melhor.

Caso precise de ajuda para otimizar os mais variados aplicativos e serviços na organização e produtividade da sua pequena ou média empresa, entre em contato.

Gostou da dica? Compartilhe com os amigos.