Evernote no Computador, App ou Web? | Qual devo usar?

Semana passada a Luciana Farias deixou um comentário gigante no nosso Grupo de Discussão explicando a diferença entre o Evernote para Web, para computador e o App para telefones e tablets e achei interessante compartilhar a explicação dela e deixar meus comentários porque é um tema bastante recorrente. 

A Luciana colocou bem, são formas diferentes de acessar o mesmo conteúdo. Então vamos entender essas diferenças.

A versão para computador, seja Mac ou Windows, é a mais completa. Todos os recursos do Evernote estão disponíveis lá. Além disso, a versão do Evernote para computador é a única em que você poderá acessar seus dados independente de ter ou não conexão com a Internet. E é sempre bom lembrar, não há necessidade de nenhum tipo de configuração especial para ter acesso a tudo em modo offline.

Outra vantagem é o backup. Esta é a única forma de manter uma cópia local de tudo que você tem armazenado no seu Evernote. Aliás, espero sinceramente que você já tenha alguma solução de backup. Caso ainda não tenha, dê uma olhada nos vídeos que tenho a este respeito.

No seu telefone ou tablet o que acontece é o seguinte. O aplicativo baixa para o aparelho o título das notas e o thumbnail de imagens ou elementos gráficos, mas a maior parte do conteúdo continua no servidor e para acessar você precisará sempre de conexão com a Internet.

Há algumas excessões. Toda vez que você abre uma nota no seu telefone ou tablet, ela ficará armazenada localmente no seu aparelho para que seja mais rápido acessar este conteúdo no futuro. Obviamente há um limite de conteúdo armazenado, mas o fato é que este tipo de armazenamento local acontece automaticamente, ou seja, você nunca terá controle sobre o que está ou não no aparelho.

Já no caso de ser um usuário Plus ou Premium —assista as aulas para entender a diferença entre contas— você pode escolher alguns cadernos que ficarão sempre disponíveis para acesso mesmo que você esteja sem conexão com a Internet. São os chamados cadernos offline.

No caso da versão Web, a opinião da Luciana é de que ela existe para acesso ao conteúdo a partir de computador públicos e até concordo com ela, mas no passado não era assim e se existe algo que me chateia no Evernote é a limitação da versão web.

Houve uma época em que era possível fazer via navegador tudo que se faz no aplicativo para computadores. E, pessoalmente, acredito que nunca deveriam ter migrado para a nova versão web sem levar junto os recursos que já existiam.

Mas independente da minha opinião, o que você precisa ter sempre em mente é que se trata de uma versão que depende totalmente da sua conexão com a rede. Alguns clientes meus já perderam conteúdo em que estavam trabalhando porque não foi salvo por completo em razão de falha momentânea de conexão.

Resumindo, no computador você tem acesso a todo seu conteúdo e ao mesmo tempo a todos os recursos do Evernote. No telefone ou tablet você depende da Internet ou, caso seja um usuário que paga pelo serviço, terá como manter parte ou todo conteúdo armazenado no dispositivo móvel. E a versão web é mais simplificada e depende totalmente de conexão com a Internet.

E você, como usa o Evernote? Computador, telefone ou web? Gostaria de ouvir sua opinião e experiências. Se você é novo no Canal, lembre-se de assinar e convidar um amigo porque publico conteúdo como este várias vezes por semana.